Connect with us

Treino

A rotina de treinos e dieta de Chris Evans, o Capitão América do filme Os Vingadores

Por mais que os super-heróis sejam personagens fictícios, muitas pessoas se inspiram neles. Também podemos ver, em muitos enredos de histórias desse tipo de personagem, que a grandeza não vem de uma hora para outra. Normalmente, isso é possível ver em filmes como Batman, Demolidor e o Capitão América. Mesmo que eles não tenham super-poderes como o Homem Aranha e o Super-Homem, eles correram atrás e se transformaram em grandes e poderosos super-heróis.

rs_560x415-131024111419-1024.captain-america-2

Mas isso não acontece somente na tela, os atores tiveram que superar muitas coisas para se tornarem a imagem e semelhança daqueles personagens fictícios. Tendo como exemplo um personagem muito conhecido nos Estados Unidos, de um filme recém-lançado, Os Vingadores (The Avengers – 2012), podemos ver o Capitão América, interpretado por Chris Evans, com o corpo musculoso, praticamente idêntico ao que era o herói nos desenhos. Porém, o ator não era tão forte quanto o Capitão América; então, como ele ficou tão forte de uma hora para a outra para atuar como esse Super-Herói? A resposta é simples: com uma rotina forte e se dedicando muito.

É possível conseguir o físico do Chris Evans através de uma rotina de exercícios e com uma alimentação voltada para o ganho muscular. O Personal Trainer fez uma rotina de exercícios, assim como uma dieta em que a base alimentar era a proteína, com alimentos ricos nesse nutriente e suplementação.

Foram 4 meses de muito exercício. Chris Evans relatou a revistas que nunca fez uma rotina tão difícil de cumprir, mas também nunca tinha visto resultados tão bons quanto esses.

Seu personal, chamado Simon Waterson, baseou os exercícios no ganho de massa muscular e na perda de gordura. O ator, ao final da batalha de 4 meses, havia passado dos 77 quilos para 82 quilos, além de ter diminuído a porcentagem de gordura de 12,5% para somente 8%.

capitão-america1

O treino era de duas horas por dia, fixando em uma área apenas. Por exemplo, na segunda Waterson fazia Evans  treinar pernas, na ombros, costas, peito e no último dia exercícios de braços (bíceps e tríceps). “Escolha uma parte do corpo e treine forte”, era a frase que o personal mais usava, e que realmente deu resultado.

A aposta foi treinar, principalmente, os músculos que mais seriam vistos na tela, incluindo pernas e glúteos. A rotina era, normalmente, treinar supino, ombro, prensa e agachamento, porém estes eram feitos até a exaustão. Os músculos dos membros inferiores, que não são tão trabalhados pelo público masculino, foram de grande valia na melhora do metabolismo, aumentando a queima de gordura. Os exercícios de perna fazem com que o corpo produza mais hormônios, os quais são responsáveis por diminuir a gordura muscular até o limite, aumentando a massa magra, deixando os músculos tonificados e, o que era mais importante, grandes.

Veja abaixo a sua rotina de treinos:

Dia 1 Treino de Pernas: Chris Evans Workout

(Sempre em 4 séries de 8 repetições e intervalo de 90 segundos)

  • Leg Press
  • Mesa Extensora
  • Agachamento livre
  • Lunges (agachamento em uma perna só)
  • Stiff
  • Panturrilha sentado Elevação

Dia 2 Ombros: Chris Evans Workout
(Sempre em 4 séries de 8 repetições e intervalo de 90 segundos) 

  • Desenvolvimento
  • Desenvolvimento com halteres
  • Elevações laterais
  • Encolhimento

Dia 3 Costas: Chris Evans Workout
(Sempre em 4 séries de 8 repetições e intervalo de 90 segundos)  

  • Barra Fixa
  • Levantamento Terra
  • Remada fechada na maquina
  • Levantamento terra parcial
  • Puxador Frente
  • Remada Curvada

Quarto dia era descanso

Dia 5 Peito: Chris Evans Workout

  • Supino inclinado
  • Supino inclinado com halteres
  • Fly declinado
  • Peck Deck
Dia 6 Braços: Chris Evans Workout
(Em sistema de super séries e ainda 4 séries de 8 repetições e 90 segundos de intervalo)
  • Rosca direta X Tríceps Testa
  • Rosca alternada X  Tríceps testa com halteres
  • Rosca Scott X  Tríceps Pulley ou corda
  • Rosca Inversa X Rosca punho
Sétimo dia era descanso retornando depois ao início com treino de pernas.

Evans explicou em entrevistas que a parte mais difícil do treino foi a alimentação. Com o objetivo de aumentar a musculatura, a proteína foi consumida praticamente em todas as refeições. Seu dia era divido em 7 refeições, incluindo shakes e BCAA. Os carboidratos foram cortados, mantendo somente em pequenas porções e consumidos com proteína, como carne de frango, peixe ou bife.

Fonte: Treinomestre

Newsletter Signup

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS VISTOS

O que comer quando se treina muito cedo e tem pouco tempo?

Nutrição e Dieta

Como afinar a cintura – Dicas de dieta e exercícios

Suplementação e Musculção

Macronutrientes e Micronutrientes: O que são, sua importância na dieta e melhores fontes

Nutrição e Dieta

Dieta para o final de semana ou nos dias sem treino

Nutrição e Dieta

A importância do dia do Lixo

Nutrição e Dieta

Como montar uma dieta para ganhar massa muscular – 2° parte – Alimentos indicados

Nutrição e Dieta

Sal – Problemas ao organismo e como substituí-lo

Nutrição e Dieta

Dieta para ganhar massa muscular, é possível gastar pouco?

Nutrição e Dieta

Dieta – 7 dicas de alimentação para iniciantes na musculação

Nutrição e Dieta

8 erros comuns de treino e dieta que as mulheres cometem

Nutrição e Dieta

Newsletter Signup